Um minuto de silêncio de gratidão à Terra

22 de maio - Dia Internacional da Biodiversidade

No passado dia 22 de maio, Dia Internacional da Biodiversidade, fizemos Um minuto de silêncio de gratidão à Terra na Escola Básica de Valadares. Foi um momento muito especial para a nossa escola. Esta iniciativa nacional foi lançada pelos Fazedores de Mudança que nos desafiaram a organizar um gesto de gratidão à Terra, decorando os nossos espaços com mobiles de gratidão, compostos por tsururus, realizando 1 minuto de silêncio e estendendo o convite de participação ao poder local que seria presenteado com um dos nossos móbiles. A adesão de alunos e professores a esta iniciativa foi massiva. Imediatamente após o minuto de silêncio, seguiu-se um recital de poesia preparado por alunos do 5.º H, com uma seleção de poemas de Sophia de Mello Breyner e Maria Alberta Menéres, assim como uma adaptação do poema Urgentemente, de Eugénio de Andrade, realizada pelos alunos do 7.º E. Com os versos É urgente cuidar/É urgente salvar aqueceram-se as vozes para que, de seguida, todos cantássemos as notas musicais ligadas ao movimento Sing for the climate, acompanhados das flautas de alunos do 6.º Ano. O dia estava lindo. Foram mais de 500 alunos a fazer um minuto de silêncio no nosso pátio delicadamente decorado por tsururus dispostos nos móbiles, entre outras aves em origami. Tivemos também instalações artísticas, baseadas nos mesmos, feitas pelos alunos e professores da escola. O ambiente exalava beleza, delicadeza, respeito e, pela primeira vez, estivemos, quase todos, reunidos, em simultâneo, na parte nova da escola, a uma só voz! O Senhor Presidente da Junta da União de Freguesias de Mafamude e Vilar do Paraíso, deputado João Paulo Correia, compareceu e recebeu o seu móbile de gratidão! Foram uns minutos especiais na vida da nossa escola e deixamos aqui algumas imagens que testemunham esses momentos.